pos-operatorio-cirurgia-cotovelo (1)

Pós operatório de cirurgia de cotovelo: saiba como é

De todas as perguntas, com certeza as mais comuns dizem respeito ao pós operatório de cirurgia de cotovelo. É comum que o paciente queira tirar todas as suas dúvidas sobre o procedimento do qual irá passar. Afinal de contas, essa é uma das formas de fazer com que ele se sinta mais seguro. 

Isso acontece, em especial, porque o paciente quer voltar a ter a sua vida normal o quanto antes. Então, mediante a esse contexto, é normal que ele queira saber quanto tempo é de recuperação e coisas do gênero.

No entanto, para obter essa resposta com mais precisão, é de grande importância que analise alguns fatores. Afinal de contas, o período de recuperação leva em conta alguns fatores, como o tipo de cirurgia, extensão da lesão, idade etc.

Ademais, há alguns médicos que afirmam que o pós operatório de cirurgia de cotovelo é uma das fases mais importantes. Afinal de contas, é nesse momento que o paciente trabalha para se reabilitar, voltar a ter todos os movimentos que tinha antes.

Mas quanto tempo é necessário até conseguir todos os movimentos? Em quanto tempo é possível voltar às atividades normais do dia a dia, como dirigir, carregar as compras ou pegar objetos um pouco mais pesados, por exemplo?

Todas essas são questões pertinentes ao assunto. Contudo, para ter um pós operatório de cirurgia de cotovelo de sucesso, é essencial que o paciente tenha alguns cuidados específicos. Sendo assim, se você quer aprender mais sobre esse assunto, é só continuar nesse artigo. Sem mais delongas, vamos ao que interessa!

Pós operatório de cirurgia de cotovelo: principais doenças de cotovelo

Para que você saiba como é o pós operatório de cirurgia de cotovelo, pode ser interessante conhecer as doenças que podem afetar essa região. Afinal de contas, o pós operatório leva em consideração vários fatores, incluindo o tipo de cirurgia.

No entanto, o médico escolhe o tipo de cirurgia mais adequada para o seu caso, o que determinará quanto tempo vai durar uma cirurgia de cotovelo. Mas, para isso, ele precisa avaliar alguns fatores, incluindo o problema que você teve no cotovelo. Então, nos parágrafos seguintes, iremos falar sobre as principais doenças.

Bursite olecraniana

A bursite no cotovelo é uma das doenças mais comuns que, além de afetar a saúde do seu cotovelo, pode levar o paciente a ter dores, estalos e incômodos. Em suma, trata-se de uma inflamação na bursa, que é uma pequena bolsa de líquido, que fica entre os músculos e os tendões.

No entanto, na grande maioria das vezes, é possível tratar esse problema com medicamentos e fisioterapia. Mas, se a doença estiver num estágio muito avançado, a cirurgia pode se tornar uma opção mais viável.

Fratura

Esse é o motivo mais comum para a cirurgia. Contudo, as fraturas podem-se ocasionar por tombo, acidente de carro, moto ou mesmo a prática errada de algum exercício físico, por exemplo. Em relação ao pós operatório de cirurgia de cotovelo, não costuma ser muito longo.

Entretanto, quando ocorrer um caso desse, procure um médico imediatamente, a fim de que ele possa lhe consultar e indicar o tratamento mais adequado.

Artrose

De todos os problemas que podem acometer o cotovelo, a artrose é uma das mais raras. No entanto, na maior parte dos casos, é possível tratar esse problema sem cirurgia. O médico só opta por esse tratamento quando o paciente continua sentindo dor, mesmo após o tratamento não cirúrgico.

A fim de tratar esse problema, a melhor forma de prevenir é fazendo visitas regulares ao ortopedista, pois ele é capaz de avaliar a sua situação.

Epicondilite

Trata-se de uma inflamação nos tendões do cotovelo. Essa é uma doença mais comum em pessoas que têm movimentos repetitivos com os dedos e punhos. Por isso, é normal que tenistas adquiram essa doença, em especial a partir dos 35 anos.

Dentre os sintomas, podemos citar dores fortes na parte externa do cotovelo, rigidez e sensibilidade no local. No entanto, no que diz respeito ao pós operatório de cirurgia de cotovelo, depende da gravidade de cada caso.

Pós operatório de cirurgia de cotovelo: como é a cirurgia de cotovelo?

Outra coisa que você precisa saber antes de falarmos sobre o pós operatório de cirurgia de cotovelo, é justamente como é esse procedimento. No entanto, como há mais de uma técnica, é o médico quem define por qual delas você irá passar.

Para que ele defina isso, é necessário fazer algumas avaliações. Mas, para que você entenda melhor esse ponto, iremos explicar os dois tipos de cirurgia.

Artroscopia

Trata-se de um procedimento mais simples, minimamente invasivo. Nesse caso, o médico introduz um objeto no local, a fim de analisar o seu interior. A artroscopia pode ser tanto um exame como ser usada para correção do cotovelo.

A cirurgia é feita com bloco cirúrgico e, em muitos dos casos, não há necessidade de internação. Por isso, o pós operatório de cirurgia de cotovelo costuma ser bem mais rápido. Fora isso, através desse método, o médico consegue identificar a presença de corpos livres.

Corpos livres são a presença de cartilagem ou ossos soltos dentro da articulação. Ou seja, pedaços pequenos, como se fosse areia. Então, caso o médico constate esse problema, ele é capaz de resolver em alguns minutos.

Via aberta

Esse é aquele tipo de cirurgia em que o médico precisa abrir a região a ser tratada. A cirurgia por via aberta é mais comum em casos de fratura, onde, a depender do nível de dor, é necessário remover os ossos desgastados e substituí-los por um pino.

Então, a cirurgia de fratura do cotovelo tem como objetivo a reconstrução óssea, a fim de que o paciente tenha os movimentos melhorados após o procedimento. O pós operatório de cirurgia de cotovelo costuma ser um pouco maior, haja vista que é por via aberta.

Nesse caso, a intervenção é feita em um hospital, com anestesia. E, a depender do cenário, pode levar cerca de três horas para concluir. Mas, independente da condição, é de grande importância procurar um médico, pois ele é a pessoa mais indicada para lhe avaliar.

Como é o pós operatório de cirurgia de cotovelo?

Deve-se tomar alguns cuidados, para que recupere-se rápido. No entanto, a sua recuperação tem ligação direta com o tipo de cirurgia que você teve que fazer.

No caso da artroscopia, por exemplo, na maior parte dos casos o paciente é liberado no mesmo dia, podendo ficar apenas com alguns hematomas na região. Mas, se foi por via aberta, o pós pode ser um pouco mais demorado.

O pós operatório de cirurgia de cotovelo, em caso de fratura, demanda certos cuidados. Afinal de contas, é importante manter a região imobilizada, uma vez que o cotovelo é responsável pela maior parte das movimentações.

Então, logo após a cirurgia, o paciente recebe os devidos cuidados, com reabilitações leves, onde o intuito é de relaxar os músculos. No entanto, para esses casos, nem sempre há necessidade de usar gesso para imobilizar.

Mas os exercícios são sempre importantes, uma vez que eles são os responsáveis por recuperar o osso. Então, mesmo após receber alta, deve-se manter esse hábito em casa.

Post Anterior: Como dormir após cirurgia no ombro? Saiba mais!

Compartilhar

Se inscrever

Nossas Redes

Procurando Ortopedistas Especialistas?

Fale Conosco